Clarear Axilas

À medida que se aproxima o verão, são muitas as mulheres que procuram saber como clarear as axilas.

Esta zona sensível, tantas vezes esquecida, tende a escurecer, sobretudo, devido à depilação frequente, mas também a alergias, alterações hormonais, transpiração e uso de desodorizantes com álcool.

Independentemente da origem das axilas escuras, este é um problema com solução. Fique a conhecer as alternativas.

Peeling

Tendo como objetivo a remoção parcial ou total da pigmentação da pele, o método do peeling consiste na aplicação de uma substância ácida na superfície da pele. Ainda que este seja o método que garante os melhores resultados, é também aquele que mais sensibiliza as axilas, não sendo recomendado para os casos em que a pele já se encontra muito escura e endurecida.

Luz Pulsada

A técnica de laser, ou luz pulsada, consiste na emissão de feixes luminosos, direcionados para a área a tratar. Ao atuar na pele, o tratamento irá reduzir a pigmentação excessiva da região. Esta técnica assume-se como uma boa alternativa ao peeling, já que não constitui qualquer tipo de agressão para a pele. Além de clarear as axilas, a pele fica lisa e suave.

Clarear Axilas em Casa

Atualmente, existem no mercado desodorizantes e cremes clareadores que apresentam fórmulas ricas em nutrientes essenciais, como óleo de girassol e ácido linoleico, ajudando a regenerar e hidratar as axilas. Esta é a forma de tratamento que se revela mais económica, devendo ser consultado um dermatologista, aquando da escolha do produto a utilizar.

Outra forma de combater o problema poderá passar pela receita caseira, à base de aveia, leite em pó e soro fisiológico. Misture bem e aplique nas axilas, massajando com movimentos circulares. Lave com água fria.

Atualizado em 04/04/2013